Roda Pedaleira

quinta-feira, janeiro 08, 2009

Bicicletas Híbridas

A bicicleta é a forma mais eficiente de combater a poluição e o intenso trânsito das grandes cidades, penso que não há qualquer duvida. Enquanto que em algumas cidades, há muito que as bicicletas são o principal meio de transporte, em muitas outras estão a tentar implementar esse hábito económico, amigo do ambiente e saudável aos seus habitantes. A tarefa não é fácil, mas com a criação de infraestruturas como ciclovias e estacionamentos para bicicletas, os resultados podem surpreender pela positiva. Nota-se uma cada vez maior preocupação de criar essas infraestruturas e a provar isso mesmo, ainda há bem pouco tempo, o governo de Seul anunciou a criação de 207 quilómetros de ciclovias que irão percorrer todos os cantos da capital Sul Coreana. É um investimento de 88 milhões de dólares, que irá mudar a qualidade de vida a mais de 10 milhões de habitantes.

No entanto, existem cidades - como Lisboa - que têm um relevo geográfico com um grau de dificuldade elevado em algumas zonas da cidade, onde é necessário fazer um grande esforço físico. Nestes casos só as infraestruturas não chegam para convencer a maioria das pessoas, é preciso algo mais, como por exemplo uma bicicleta com motor eléctrico para as ajudar a ultrapassar percursos mais íngremes e não só. A Twist Freedom DX da Giant Bicycles pode muito bem ser o incentivo que faltava.

Esta bicicleta híbrida combina a energia aplicada nos pedais com um impulso proporcionado por um motor de 300 watts instalado no quadro de alumínio, o que permite optimizar a energia. Este sistema permite que vá mais longe por muito menos esforço.

A bicicleta tem três modos: modo económico, modo normal e modo desportivo. No primeiro modo, as 2 baterias de Lithio escondidas nas duas malas laterais, têm uma autonomia de 130km.

O preço das bicicletas andam a rondar os €1800, o que na minha opinião é um preço aceitável, tendo em conta que vai gastar muito menos em combustível, vai melhorar a sua condição fisica e ajudar na luta contra o aquecimento global.

E você, o que acha?

Abraço deste dente de pedaleira,

Rodrigo Lagoa


1 Comentários:

  • Às 6:07 da tarde , Anonymous Anónimo disse...

    Inventam tudo!!!
    Mas não há dúvida de que a ideia é boa... quem puder, deve aproveitar estas novas tecnologias. Fazem bem à saúde, à carteira e ao Ambiente.
    Será que ela também ajudaria a trepar alguns montes mais íngremes? Para os mais preguiçosos era um incentivo ao BTT... para cima tinham ajuda, para baixo era largar os travões!...

     

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial